AMAURI CORRÊA

UM DEDO DE PROZA

COMQUISTA DE UM SONHO

FAZER O QUE SE AMA NÃO TEM PREÇO

¨Larga esse negócio de moto, meu filho¨.

Assim dizia minha mãe...

 Um pedacinho da minha história...

 Iniciei no mundo off road com a famosa DT 180, aos 14 anos de idade, no estado de Minas Gerais.

 

A paixão foi tamanha, que 3 anos depois, aproveitando a experiência e conhecimentos básicos da mecânica, após trabalhar numa retífica de motores de automóveis, consertando minha moto e dos amigos fui adqu expeirindo experiencias. Aos 17 anos de idade fui emancipado para abrir meu primeiro CNPJ no ramo de oficina mecânica de motocilcetas.

Alguns anos depois ainda muito jovem, um convite desafiador, gerenciar uma oficina  de motos, na rua  Cubatão  próximo a Av.  Paulista, na cidade de  São Paulo.

Na “mecânica” especializei na preparações de motores e suspensões.

Aprimorei os conhecimentos em cursos, entre eles o renomado curso RACE TECH preparações de suspensões.

Na pilotagem, logo no inicio descobri que a modalidade exigia muito de condicionamento físico.

Coma já participava  de competições do mountain bike, introduzi novos treinamentos para o fortalecimento.

Acrescentei em meus treinamentos a natação e o ciclismo de asfalto, sempre focado na busca de aprimorar a resistência física.

Participei de várias competições de triátlon, entre elas a que marcou,  ¨ Troféu Brasil ¨ na cidade Santos.

No meio de 80 participantes, atletas e equipes profissionais da categoria, conquistando com 12º posição na classificação geral, numa prova solo.

Tudo isso para acelerar mais forte aquela magrela...

Participei de treinamentos específicos de pilotagem, com pilotos renomados como Rick  Raspa,  Campeão do motocross e o campeão de enduro Felipe Zanol.

Estudei a fundo os métodos de ensino da School Gare Semics, um dos maiores treinadores do motocross mundial, onde aprimorei minhas técnicas pessoais de pilotagem.

Adquiri uma didática SIMPLES e EFICIENTE, com a qual passei a  treinar por muitos anos, pilotos iniciantes, intermediários das trilhas e do Motocross.

Encerrei as atividades como mecânico em 2014, retornando na organização de competições do motocross.

 

Digo retornando, porque dentro das atividades como mecânico já promovia as corridas, com objetivo de divulgar a oficina mecânica e adquirir uns ganhos extras.

Hoje com 39 anos dentro da modalidade vejo que foram  muitos erros e acertos, experiências e aprendizado no decorrer de todo  esse tempo.

Tudo valeu e muto a pena, aquele simples ditado, fazer o que ama não tem preço...

Obrigado.

Sim eu estou aqui pra te agradecer ...

 

Agradecer porque o simples fato de você estar aqui comigo, ou  ter participado de alguma prova sob de minha direção,  de ter confiado em mim em algum momento de sua vida,  faz com que eu deixo de ser somente Amauri.

 Para me  tornar o Amauri  da COPA SP DE MOTOCROSS, o Amauri da Extreme Racing.

 

Amauri Corrêa...

 Como cheguei na administração da Extreme Racing, promotora responsável pela Copa São Paulo de Motocross.

Breve te conto....